Gênensis 1.1 – No princípio criou Deus os céus e a terra.

A existência humana (bem como tudo mais à sua volta) é motivo de muitas indagações e quando o assunto é criacionismo, os questionamentos e disputas se acirram. No entanto, um pouco de reflexão e estudos honestos tem levado muitas pessoas sensatas a admitirem a existência de um Criador por trás de tanta ordem e precisão no Universo.

Um olhar sincero, mesmo da perspectiva humana, pode contemplar na riqueza de detalhes do cosmo a plenitude de um Criador inteligente: “OS céus declaram a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das suas mãos.” (Salmo 19.1)

Muitas pessoas se opõem à fé em Cristo ou mesmo qualquer forma de religião, porém, em épocas específicas como começo de ano, abraçam o contraditório e recorrem a superstições e tradições a fim de alcançar algum favor sobrenatural. No entanto, tudo isso será em vão e seu fim é a destruição porquanto não reconhecem a verdade do Criador: “Porque as suas coisas invisíveis, desde a criação do mundo, tanto o seu eterno poder, como a sua divindade, se entendem, e claramente se vêem pelas coisas que estão criadas, para que eles fiquem inescusáveis;” (Rm 1.20)

Um novo começo exige novos argumentos, novas regras, uma nova perspectiva daquilo que nos cerca e do que podemos fazer a partir disso. Recomece pela verdade e então obterá respostas além de ser uma criatura útil ao Criador e ter sucesso enquanto O serve.

Na graça de nosso Senhor Jesus Cristo

Pr Josué Lima